Chefão da MPA e mais três membros da facção morrem em ação policial conjunta nesta quinta-feira (30), na zona rural de Belmonte.

Giro de Noticias - 31/07/2020 - 05:49


Quatro integrantes do MPA, uma das maiores organizações criminosas da Bahia, que atua principalmente no roubo a banco, morreram em uma operação conjunta de policiais militares do 8° Batalhão e de agentes da Polícia Federal, na noite desta quinta-feira (30), na zona rural de Belmonte.

Entre os mortos, está o líder da facção, Rodrigo Silva Santos, 32 anos, mais conhecido como ‘Camelô’ ou ‘Barata’.

Também morreram na ação, Erick Matos Rocha, o 'Descolado', Juarez Orrico dos Santos e um homem ainda não identificado. Todos eram da cidade de Porto Seguro.

Rodrigo, o 'Camelô', estava com prisão decretada pela justiça em um inquérito no qual era acusado de homicídio. Ele havia sido preso na Operação Replay, desencadeada pela Polícia Federal em 2016, transportando grande quantidade de munições.

Conforme a polícia, Camelô assumiu o comando do MPA, uma facção com origem em Porto Seguro, após a prisão de André Márcio de Jesus, 35 anos, em 2014, o Buiú. O antigo líder conseguiu fugir do Complexo Penitenciário da Mata Escura, em Salvador, em 2015, nove meses após a prisão.

Segundo informações do 8º Batalhão, a quadrilha foi localizada em um esconderijo de difícil acesso e resistiu à abordagem.

Na ação, os policiais apreenderam três fuzis, duas pistolas, 17 carregadores de fuzil, três carregadores de pistola, uma granada de luz e som e vasta quantidade de munição.

O serviço de inteligência da polícia descobriu que há um mês o grupo vinha planejando assaltar um banco na região de Belmonte.

A polícia informou ainda que o MPA vem atuando no extremo sul da Bahia e no estado de Minas Gerais, cometendo crimes como tráfico de drogas, assaltos a bancos e homicídios.

Ainda conforme o 8º BPM, as ações de vigilância foram intensificadas em Belmonte a partir da ação policial desencadeada na cidade de Camacan, no último dia 22 de julho, que desarticulou uma quadrilha que planejava assaltar uma agência bancária e que vinha ameaçando parentes de um tesoureiro do banco.

Fonte Radar 64

WhatsApp Giro de Notícias (73) 98118-9627
Adicione nosso número, envie-nos a sua sugestão, fotos ou vídeos.


Compartilhe:

COMENTÁRIOS

Nome:

Texto:

Máximo de caracteres permitidos 500/



Pode ser bandido mais aqui no baianao morador vai e volta onde quer sem ser incorralado..
Raimundo silva

Quanto mais bandido morto, mais tranquilidade pra morafor
Morador

Essa Eunápolis tá de.mais mesmo os vagabundos tá nas esquinas as meias noites tem uma boca em cada rua do alecrim malandros fica nas ruas da avenida das graças na esquina do bar do Jamaica e não tem dia nem hora no final de semana e pior á noite todo parece q nem tem polícia vagabundo acha q pode tudo por aqui
Moradora de Eunápolis

Já foram tarde esses criminosos.
Carlos

Parabéns a nossa polícia!! Sem palavras para homenagea-los, agora só falta pegar pegando nestas cidades de Eunápolis, e itabela, os traficantes estão a cada esquina com se fosse uma feira livre, ameaçando moradores dominando até o ir e vir das pessoas de bem, socorro pedimos aos nossos governantes, ministro da justiça!!!!! ( Bandido bom e com CPF cancelado)... Vamos o povo precisa de liberdade!!!!!
Morador