Dinheiro dos precatórios do Fundef já está em uma conta judicial, afirma APLB

Giro de Noticias - 12/07/2017 - 09:05


Os recursos dos precatórios do Fundef já está em uma conta judicial e muito breve deliberado na conta da Prefeitura de Itabela, afirma APLB Sindicato. Segundo informações, o valor de um pouco mais de 33 milhões, foi depositado na conta judicial, após os tramites legais poderá ser utilizado pela Prefeitura Municipal de Itabela. Esses recursos são referentes a um precatório do Fundo de Desenvolvimento e Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Fundamental, (FUNDEF), dos anos de 1998 a 2006.

O dinheiro foi depositado inclusive antes do previsto, que era dia 10 deste mês. A notícia da existência deste precatório foi repassado  pela assessoria jurídica da APLB, que afirma ainda que todos os professores municipais que atuaram neste período tem direito a 60% do  valor depositado, orçado em R$ 33 milhões.

A APLB deverá acompanhar essa negociação de perto, pois este é um direito dos professores, que não pode ser ignorado pela gestão, argumentou o vereador José Alencar Arrabal.

Em uma reunião na noite desta terça-feira entre os coordenadores da APLB/Sindicato  e os vereadores  Alencar  da Rádio, Rony Charles,  Joaldo Lima e Amônio da Silva veloso, foram discutidos  sobre os próximos passos  deste processo.  O Presidente da Câmara Municipal, Vereador Alex Alves Vieira que se encontra em viagem , manteve contato por telefone no momento desta reunião e se colocou à disposição para apoiar as deliberações desse grupo de Vereadores e a entidade representativa dos professores quanto aos procedimentos e próximas ações que tenham por objetivo assegurar os interesses dos educadores a serem contemplados com os recursos desses precatórios.

Entre os pontos debatidos, é pacífico o entendimento já definido em normas emitidas pelo Ministério Público Federal e Tribunal de Contas dos Municípios do Estado da Bahia que os recursos dos precatórios devam ser aplicados exclusivamente no desenvolvimento do ensino básico e entre, as vedações destaca-se a definição de que honorários advocatícios não podem ser pagos com esses recursos.

Para dá seguimento nas ações do uso regular dos recursos dos precatórios, o Presidente da Câmara e os Vereadores presentes se disponibilizaram a se reunir extraordinariamente, uma vez que Câmara deverá aprovar a abertura de credito adicional extraordinário para alocação dos recursos no Orçamento de 2017 e definir junto com o Poder Executivo, o plano de ação para exercícios seguintes.

WhatsApp Giro de Notícias (73) 98160-3777
Adicione nosso número, envie-nos a sua sugestão, fotos ou vídeos.


Compartilhe:

COMENTÁRIOS

Nome:

Texto:

Máximo de caracteres permitidos 500/



O dinheiro é para os professores,tem toto direito são os que educam e forma um bom cidadãos
Rafael Inocêncio dos Santos

Pague os professores gente, e os invejosos, fiquem quietos...
Morador

Se o dinheiro veio para ser dividido entre os educadores tem que ser dividido Senhor prefeito e uma conquista deles.
moradora de Itabela

Parabéns vereadores pela atitude se vocês estão ai foi porque passou por uma mão de um educador.


Se o dinheiro veio para ser dividido entre os educadores tem que ser dividido Senhor prefeito e uma conquista deles.
moradora de Itabela

Sou educadora quero oque de direito se o dinheiro veio destinado a educação tem que se gasto de acordo a lei.
Educadora de Itabela

O povo agora fala q não é para os professores porque não estiveram na época na pele q este dinheiro não veio e pagavam uma mixaria onde muitos passaram fome este dinheiro e por direito sim para os professores foram eles lesados neste período.quem fez história sempre será lembrado o saldoso Ivo manzoli na gestão dele quando veio ele repassou para os professores depois de 1998 não veio mas onde todos ficaram passando necessidades.Mas como já vimos q Luciano não fará isso pôs o olho grande demais.
Funcionários

QUEM Ñ SABE DAS COISAS DEVE FICAR CALADO... A INVEJA MATA.


o dinheiro nao e dos professores,e pra ser investido na educassao,nao pra uso proprio dos professores.
ITABELENSE

Em meu nome como uma cidadã Itabelense,funcionaria publica e pedagoga,venho com muita estima expressar,minha satisfação e gratidão a todos que diretamente e indiretamente contribuíram para tamanho feito realizado na Educação de nosso município,onde os mesmo visaram a melhoria de um todo na Educação,este mesmo todo que abrange a toda equipe ,pois a Educação se baseia em um conjunto de mão de obra que começa desde o Porteiro,professor,diretor,secretario,merendeiras a zeladoras.


Fiquem de olho e ñ cuidem das suas vidas não, viu?
sos

É a redenção da educação do município, mas é preciso acompanhar a aplicação, pois esse prefeito com a garganta que tem pode desviar esses recursos. O donheiro é para a EDUCAÇÃO e não para outros fins. Estaremos de olho!
Joka do Dai

este dinheiro nao pode ser doado aos professores,tem que ser gasto com a educasao parabens junior dape que em 2006 deu entrada alegando corte do fundeb,esta vitoria e do povo de itabela.
ITABELENSE

OBRIGADA SENHOR JESUS! OBRIGADA VEREADOR ALENCAR,OBRIGADA A TDS OS VEREADORES EMPENHADOS NESTA CONQUISTA, OBRIGADA APLB NA PESSOA DE SR VALTIN. É UMA VITÓRIA JAMIS VISTA, EM TEMPO OPORTUN, NUMA CRISE TÃO AVASSALADORA, É MESMO UM DÁDIVA DOS CÉUS. PARA MIM MESMA É MILAGRE, ESTOU MUITO NECESSITADA... FAREI VALER CADA CENTAVO,QUE TODA VERBA TMB DOS 40% POR CENTO SUPRA TODA AS NOSSAS NECESSIDADES NA EDUCAÇÃO QUE CLAMA POR SOCORRO URGENTE. ITABELA MERECE TUDO NOVE E DO MELHOR!!! QUE DEUS NOS ABENÇOE!